Fechar [ X ]
Aguarde...

 
HOME EMPRESA SERVIÇOS OBRAS NOTÍCIAS CONTATO

LINKS RELACIONADOS


CONAMA
INMETRO
CREA-SC
NCC
FATMA

PARCEIROS

sideraço
NUPI BRASIL
zeppini
opw
petrofab

BUSCA

NOTÍCIAS

Consumo de combustíveis tem alta



Data:  05/10/2009
Fonte:  Diário do Nordeste


Acelerado pela circulação de 34.739 veículos novos nas ruas e rodovias do Estado, o consumo de álcool hidratado e gasolina aumentou 14,68% e 8,38%, respectivamente, nos primeiros sete meses de 2009, sobre o período de janeiro a julho de 2008. No acumulado deste ano, as vendas de etanol feita pelas distribuidoras no Ceará somaram 99 milhões de litros, contra 86,4 milhões de litros comercializados em igual intervalo no ano passado.

Em julho último, ainda de acordo com a pesquisa mensal realizada pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), as vendas de álcool no Ceará, pelas distribuidoras, somaram 16,65 milhões de litros, volume 19,2% superior aos 13,97 milhões de litros consumidos em julho de 2008, no Ceará.

Esse aumento reflete o incremento do números de veículos flex circulando na "praça" e a preferência do motorista, diante dos preços da gasolina.

Etanol: o carro-chefe

Segundo a Agência Nacional de Petróleo, o etanol continua sendo o carro-chefe do mercado brasileiro de combustíveis este ano, apresentando um crescimento acumulado de 26%, atingindo um volume de vendas de 9,069 bilhões de litros.

Para o presidente do Sindipostos, José Carlos de Oliveira, além da onda de veículos flex, os aumentos sucessivos nos preços do gás natural veicular (GNV) estão levando os motoristas - frotistas e taxistas, inclusive, - a preferir o etanol ao invés do GNV.

GNV

Segundo ele, as vendas de GNV nos 70 postos no Estado, este ano, recuaram 15%, repetindo a trajetória de queda anotada no ano passado. Em Fortaleza, os preços desses dois combustíveis estão equivalentes, girando entre R$ 1,59 e R$ 1,79.

No ano passado, foram comercializados 152,94 milhões de litros de etanol no Estado, o que o coloca em 3º lugar no consumo do produto na Região Nordeste, atrás dos estados de Pernambuco (280,7 milhões de litros) e Bahia (369,5 milhões de litros), mais do que o dobro do volume de álcool consumido no Estado.

Gasolina

A exemplo do álcool, o consumo de gasolina também vem crescendo no Ceará, onde a venda do produto somou 365,2 milhões de litros, nos primeiros sete meses deste ano, volume 8,38% maior do que os 336,95 milhões de litros registrados pela ANP, em igual período de 2008. Ainda o combustível preferido por 78,6% dos motoristas dos carros leves, a gasolina vem anotando incremento no consumo, mas já bem menor do que álcool hidratado, cujo crescimento nas vendas já beira os 15%, este ano.

Numa comparação entre os meses de julho, o crescimento foi de 8,82%, saltando de 53 milhões de litros de gasolina em julho de 2008, para 57,7 milhões de litros em julho último, no Ceará. De uma forma geral, no País, o consumo de combustíveis acelerou no mês de julho, em mais um sinal de retomada da economia. Conforme ainda a ANP, as distribuidoras de combustíveis venderam 9,365 bilhões de litros naquele mês, volume 2,14% superior ao registrado no mesmo intervalo de tempo do ano passado.

Querosene

O mercado de querosene de aviação (QAV) também cresceu (4,25%), acompanhando o bom desempenho do setor aéreo em julho - quando a demanda por voos nacionais cresceu 25,6%, maior alta desde setembro de 2005. De acordo com a ANP, as distribuidoras do combustível venderam 474 milhões de litros no mês passado. No acumulado do ano os números apresentam estabilidade em relação a 2008.

No acumulado do ano, diz a ANP, as vendas totais de combustíveis somaram 60,705 bilhões de litros, 0,6% a mais do que nos primeiros sete meses de 2008. "Há uma clara tendência de recuperação", diz Vaz, do Sindicom.


  MB Máquinas - Rua Sílvio Búrigo - 173 - Oficinas - Tubarão/SC
Fone: 3052-2057 - Cel: (48)99987-4308 - E-mail:contato@mbbombas.com.br